MDM x MAM – O que é o gerenciamento de dispositivo móvel

Vocabulário:

BYODBring Your Own Device
MAM – Mobile Application Management
MDM  – Mobile Device Management

A Quarta Revolução Industrial — e a sua Transformação Digital — trouxe consigo a disseminação do uso de celular. Hoje praticamente todas as pessoas andam por aí com um celular na mão conectado à internet (ou à procura de wi-fi públicos para poderem se conectar). Com essa nova realidade as empresas começaram a usar BYOD (e dentro deles a famosa “bolha corporativa”, ou também conhecido como MAM), onde os colaboradores usam as ferramentas em seus próprios dispositivos móveis, não sendo necessário assim usar dois celulares. Mas com esse novo caminho, surgem novas preocupações sobre, segurança, gastos, políticas, etc.  Como o BYOD entrará no meio corporativo? Quais as necessidades e realidade desse cenário? Quando usar MDM e quando usar MAM?

Leia mais:

Segurança de dispositivos: como protegê-los adequadamente?
O risco dos pontos de rede LAN nas recepções dos escritórios
Avanço tecnológico no Brasil de Hoje!
Microsoft quer dificultar a criação e uso de contas locais no Windows
Como utilizar o comando Help do PowerShell

MDM é o celular completamente corporativo, um dispositivo que a empresa entrega para uso profissional. Esse tipo de celular pode (e deve) ter perfis mais restritivos, como bloqueio de câmera, proibição de instalação de alguns apps específicos, bloqueios de print e até limitações de ligação.

Já no cenário de MAM, o colaborador usa o celular dele para acessar aplicações corporativas (como e-mail), e consequentemente, não quer tantas restrições e controle em seu celular pessoal. E como resolver isso?

Com o avanço do uso de dispositivos móveis na sociedade, a maioria das pessoas já possui um celular. Quando a empresa chega com um novo dispositivo e entrega para um funcionário usá-lo como MDM, por segurança mas também para este funcionário não precisar usar as aplicações corporativas em seu dispositivo pessoal, qual a chance dessa pessoa não gostar de ter que “levar” para cima e para baixo dois celulares (mais notebook, mais mouse, mais crachá etc etc)?

Com esses cenários em mente, as empresas já avaliam qual a melhor saída seguir e partir daí escolher ferramentas que façam esse tipo de gerenciamento.

O Intune, por exemplo, recentemente, lançou um perfil de supervisionamento misto, onde o BYOD é dividido em gerenciamento de aplicativos pessoais e profissionais, dessa forma é possível aplicar regras de controle à aplicações empresariais sem mexer na privacidade do colaborador:

Esse assunto ainda traz muita polemica, mas me diz, você é a favor de MAM ou MDM? Ou acredita que a análise de cada situação ainda é o melhor caminho?

Este artigo foi útil?

Para manter um padrão de qualidade para vocês, investimos em um ótimo plano de hospedagem, CDN Pago, Plugins de Otimização para o Site, etc…

Ajude-nos a manter o projeto ativo! 

Acompanhe as novidades em tempo real. Siga nosso perfil no Instagram..

Gabriela Salles
Sou Engenheira computacional, especialista e conscientizadora de Blue Team. Certificada pela Microsoft, IBM, Itcerts, CertiProf e Exin, também possuo francês e inglês como diferenciais.
pt_BRPortuguese

ATÉ 90% DE DESCONTO

DECOLE SUA CARREIRA!!

Quer dar um upgrade na sua carreira? 

Invista em você e saia na frente! Conquiste aquele emprego dos sonhos em 2022!