DevOps!?!?!?!

Mais uma publicação que engloba nossas inúmeras “sopas de letrinhas” que estamos vivenciando.

Como estudante de Sistemas de Informação, muito se fala sobre o desenvolvimento de software. Atuo na área de Infra por quase 10 anos, e nesse tempo, ouvi muito sobre a velha máxima na criação de um sistema: “Minha máquina funcionou normalmente, no seu servidor é que não roda”. E aí? É culpa do desenvolvedor ou da Infra? Esse é uma dúvida que teremos de ir mais afundo.

Mas o ponto em questão, não é encontrar culpados. Precisamos tirar essa mentalidade de sempre “apontar” o dedo. Para que o novo software funcione, é preciso que o servidor funcione, assim como todas as máquinas dos colaboradores que utilizarão. Para isso o o desenvolvedor deve sim, saber como compilar seu software em todos os ambientes.

Leia mais:

Seis hacks de tecnologia simples que o tornarão mais produtivo
O Google apresenta plataforma para ajudar programadores
Uaitec oferece 25 mil vagas de cursos gratuitos para área de TI
Microsoft lançará versão do Office sem assinatura em 2021

Para termos então um consenso sobre o assunto e buscar a solução, foi criado o termo “DevOps”.

DevOps nasceu para descrever um conjunto de práticas para integração entre as equipes de desenvolvimento de softwares, operações (infraestrutura ou sysadmin) e de apoio envolvidas (como controle de qualidade) e a adoção de processos automatizados para produção rápida e segura de aplicações e serviços. O conceito propõe novos pensamentos sobre o trabalho para a valorização da diversidade de atividades e profissionais envolvidos e atitudes colaborativas. É um processo que torna possível o desenvolvimento ágil de aplicações em um modelo de gestão de infraestrutura definido sob regras rígidas e burocráticas.

Tradicionalmente Desenvolvimento e Operações são setores diferentes nas empresas e com motivações distintas. O setor de Desenvolvimento já evoluiu com adoção de metodologias ágeis e estão mais alinhadas ao negócio. O setor já consegue entregas rápidas e constantes para atender a expectativa dos clientes por novos recursos e assim valorizar o produto da empresa. A área de Operações, por sua vez, deseja o mínimo de alterações possíveis no ambiente de produção, pois podem gerar um novo ponto de instabilidade o que desvalorizará o produto da empresa. Assim há interesses contraditórios. Um setor quer evoluir e o outro garantir.

A cultura DevOps tem sua base em 3 pilares:

• Integração Contínua: fácil transferência de conhecimento e experiências entre as áreas de Desenvolvimento, Operações e Apoio.
• Implantação Contínua: liberação rápida e continua de novas versões de software ou serviços.
• Feedback contínuo: feedbacks frequentes das equipes envolvidas em todas as fases do ciclo de vida do software ou serviço.

Agora que sei o que é, como posso praticar um modelo de DevOps?

Daniel Rosa em seu site Jornada para Nuvem diz assim:

São inúmeras as ferramentas relacionadas ao ecossistema do DevOps, porém os 6 passos apresentados aqui não fazem referência a nenhuma ferramenta. É importante que cada empresa ou equipe de TI defina a estratégia a ser adotada, buscando entender todas as barreiras a serem superadas. Não há uma receita de bolo, portanto os passos abaixo apresentam uma ideia genérica de como iniciar nesta jornada.

6 passos para o devops do guia Jornada para Nuvem
http://jornadaparanuvem.com.br/6-passos-para-iniciar-na-jornada-do-devops/

Com o DevOps, sua organização fica preparada para fornecer produtos melhores com maior rapidez. Reunindo pessoas, processos e tecnologias com ferramentas e práticas compartilhadas, você conquista benefícios como menor tempo de desenvolvimento, maior rapidez para chegar ao mercado e maior qualidade do produto.

E agora desenvolvedores e analistas de infra, vamos aplicar DevOps?

E tem mais novidade sobre DevOps vindo por aí. Não percam as próximas matérias.

#FicaDica

Fontes: Surittec | IT Forum 365 | 4Linux | Azure Microsoft

Este artigo foi útil?

Para manter um padrão de qualidade para vocês, investimos em um ótimo plano de hospedagem, CDN Pago, Plugins de Otimização para o Site, etc…

Ajude-nos a manter o projeto ativo! 

Acompanhe as novidades em tempo real. Siga nosso perfil no Instagram.

Luiz Roberto Gomes
Maluco por tecnologia, amante incondicional da informação e acima de tudo buscador de um mundo voltado para TI. Trabalho com Infraestrutura de TI por mais de 10 anos. Amo escrever e você encontra esse amor aqui no Dicas de Infra. DevOps, uma paixão que está aumentando a cada dia. Vivência em infraestrutura de rede, Data Center, Certificação Digital, Telefonia IP, Nuvem Google, Azure e aprendendo AWS.
pt_BRPortuguese

ATÉ 90% DE DESCONTO

DECOLE SUA CARREIRA!!

Quer dar um upgrade na sua carreira? 

Invista em você e saia na frente! Conquiste aquele emprego dos sonhos em 2021!